domingo, 16 de junho de 2013




Para perder peso não basta só seguir um cardápio rígido e praticar atividades físicas, já que algumas técnicas e  hábitos ajudam a emagrecer também. O horário que você escolhe para efetuar as refeições, por exemplo, pode implicar no resultado final do regime. De acordo com informações de uma pesquisa realizada por cientistas do Hospital Brigham and Women’s e da Universidade de Murcia e publicado no Daily Mail, as pessoas que almoçam tarde tem mais dificuldades de perder peso.


ALMOÇAR ANTES DAS 15 HORAS AJUDA NA PERCA DE PESO


Para comprovar que comer antes das 15 horas da tarde ajuda no emagrecimento, os cientistas reuniram 420 pessoas acima do peso. Os voluntários tinham que participar de um programa de redução alimentar por 20 semanas. Os estudiosos separaram os voluntários em dois grupos: os que almoçavam antes das 15 horas e os que faziam essa refeição somente depois desse horário. No almoço, 40% das calorias diárias foram consumidas por essas pessoas.
Segundo o relatório do International Journal of Obesity, as pessoas quealmoçaram mais cedo perderem uma quantidade maior de peso (em média 30% a mais) que o outro grupo que fazia essa refeição depois das 15 horas, mesmo tendo no cardápio a mesma quantidade de calorias. Outra informação importante da pesquisa é que os obesos da “equipe” que almoçava mais cedo apresentaram chances menores de terem diabetes.
“Nossos resultados indicam que quem come tarde apresenta um ritmo mais lento de perda de peso do que quem come cedo, o que sugere que o momento de grandes refeições pode ser um fator importante em um programa de emagrecimento”, explicou o pesquisador Frank Scheer, do Hospital Brigham and Women’s.



Seguir uma dieta a risca não é uma tarefa fácil. Muitas pessoas desistem no meio do caminho. Veja algumas dicas de como seguir à risca sua dieta.

Seguir uma dieta á risca não é uma tarefa fácil. Muitas pessoas desistem no meio do caminho, principalmente porque os resultados são demorados. É importante ter força e não desistir no primeiro obstáculo que encontrar. Veja algumas estratégias para conseguir seguir a dieta até o fim.

1. Cuidado com a ansiedade 
Tente comer lentamente, não desconte seus sentimentos na comida.
Antes das alimentações, faça exercícios de respiração, meditação ou relaxamento. Esteja calma; preste atenção na sua fome e pare de comer assim que sentir que seu estômago não necessita mais de alimento. Muitas vezes continuamos comendo apenas por sentir o gosto bom do alimento e não por fome.
2. Diminua na quantidade
Quando der vontade de comer doce, compre um que seja pequeno, como tablete de chocolate. Evite comprar em grandes quantidades, como barras grandes de chocolate ou doces em pacotes.
Retire os doces, biscoitos ou salgadinhos que você possui em casa, caso não consiga controlar a vontade de comê-los.
3. Faça uma rotina
Arrume um caderno para usar como diário e anote nele tudo o que você comer. Em seguida, anote também como se sente em relação aos alimentos que ingeriu. Varie nos alimentos e escreva se o novo item satisfaz por mais tempo, por exemplo.
Reserve uma parte do cadernos para anotar as atividades físicas que você faz, explicando o tipo de cada uma. Anote, também, se houve dificuldades em realizá-las
4. Cuide do psicológico
Veja a perda de peso como algo positivo na sua vida. Porém, não exija demais de você, pois o excesso de cobrança nos deixa com mais ansiedade e dificulta continuarmos a dieta.
Coloque a dieta como apenas um elemento positivo na sua vida, e não permita que sua felicidade e seu bem estar dependam dela.
Se você cometer algum erro, saindo da dieta, não se preocupe tanto e não jogue tudo pro alto. Continue a dieta tentando não sair do caminho novamente. Não se martirize pelos erros, apenas se esforce para consertá-los.
Se precisar, vá frequentemente a um psicólogo para que seu psicológico esteja bem durante o preocesso, aumentando as chances de êxito.
5. Faça atividades sociais
Para auxiliar na perda de peso, concentre-se em atividades que você goste. Receba amigos em casa ou saia para um passeio, porém nada de restaurantes ou cafeterias, procure atividades que não envolvam alimentos.
Se for possível, peça a algum amigo ou familiar para fazer a dieta com você, ou, combine de fazerem alguma atividade física juntos. Muitas vezes conseguimos seguir melhor quando estamos acompanhados.
6. Pratique exercícios físicos. 
Os exercícios físicos ajudam tanto a emagrecer quanto a se sentir melhor, pois aumentam a liberação de substâncias que promovem bem estar. 

Faça caminhadas; passeios de bicicleta; suba escadas; brinque com as crianças; saia para dançar. São inúmeras as atividades que você pode escolher.
7. Faça reavaliações semanais 
Quando precisar sair da dieta, como quando há festas ou feriados, tente não exagerar. Sempre pare para ver o que você já aprendeu durante esse tempo e em que posto já chegou.
Questione-se sempre sobre o que já aprendeu e onde precisa melhorar. Quando perceber que está evoluindo, dê um presente a si mesma. Mas que não seja comida.

Seguir a dieta e perder peso não é algo fácil. É normal termos recaídas, perdermos mais peso em uma semana do que em outra. 
O importante é não desanimar e seguir em frente. 
Você consegue!

fonte:www.mundodastribos.com.br





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Banner Arte com Sabor