sexta-feira, 13 de maio de 2016

Venda de artesanato pela internet

Confira dicas do site Aprendendo a Exportar Artesanato.

Ter uma loja virtual hoje em dia, além de introduzir uma marca na internet, ampliando a sua visibilidade para o mundo todo, pode garantir muitas vendas extras do produto. 

Pensando em auxiliar cooperativas, associações e artistas individuais de artesanato a ampliar suas vendas e alcançar o mercado nacional e internacional, o portal Aprendendo a Exportar Artesanato, do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior publicou várias dicas de como introduzir o artesanato no e-commerce. 

O e-commerce, ou comércio eletrônico, é a prática que utiliza um site para realizar vendas de produtos. É como uma loja, só que virtual, onde o cliente tem a oportunidade de conhecer a marca, visualizar o produto por meio de fotos e realizar a compra. 

São várias as formas de pagamento e envio, cada empresa oferece as possibilidades ao cliente e ele faz a escolha. Todo o processo é feito com rapidez e eficácia, sem importar a localização geográfica ou o fuso horário do seu comprador. 

Mas para isso, o empreendedor deve estar atento a alguns pontos para entrar nesse mercado, como a escolha de embalagens resistentes para o envio dos produtos e a possibilidade de contratação de seguro na hora do frete são decisões importantes para garantir que seu produto chegue da mesma maneira em que foi enviado. 

Garantir um site seguro, livre de vírus e de outros riscos ao consumidor, com design e informações atraentes para a compra ágil, também é essencial para o cliente não desistir de fazer sua aquisição. Além de segurança e funcionalidade, o veículo deverá também se preocupar com a Publicidade Editorial e com a efetivação dos negócios digitais. Não adianta realizar a venda e não ter como concretizá-la ou fazê-la de maneira que não satisfaça o cliente.


Falta de contato físico: principal dificuldade

No entanto, apesar do crescimento do mercado de vendas on-line, a negociação de produtos artesanais via internet ainda é insignificante. O comércio eletrônico ainda não conseguiu suprir a necessidade que os compradores de artesanato têm de um contato mais próximo com o produto artesanal e da necessidade atenta do exame visual e físico da criação artesanal. 

Sabe-se que a tendência da utilização da internet como instrumento de comunicação e comercialização de artesanato tende a crescer inevitavelmente, num futuro bem próximo. Por isso, mesmo com essas dificuldades, é importante que o empreendedor não desista desse canal de comunicação e procure maneiras criativas de vencer os obstáculos da falta de contato físico com o produto. A participação em feiras e rodadas de negócio é sempre uma boa oportunidade de os clientes conhecerem de perto seu produto.

FONTE: http://www.sebrae.com.br/

quarta-feira, 8 de julho de 2015

7 dicas para comprar máquina de costura!



Está difícil escolher a sua máquina de costura? Sabemos que a definição de um modelo é uma etapa estressante mesmo para quem já tem bastante experiência em costura. Reunimos aqui algumas dicas que podem ajudar você a planejar direitinho a sua compra evitando frustrações ou até mesmo economizando. Vamos a elas?
#1 Informe-se!
Se estiver escolhendo a sua primeira máquina, é essencial se informar bastante. A costureira do seu bairro, os artesãos que você tem contato, amigos que costuram, professores, fóruns e comunidades de artesanato podem te dar uma luz inicial. Assim você já vai tendo uma ideia de valores, conhecendo melhor as marcas disponíveis no mercado e eliminando opções. Se já é íntimo das máquinas, pule para a segunda dica! ;)

#2 Qual o seu perfil?
Trace o perfil completo do produto que irá ser produzido na sua nova máquina. Materiais e frequência de uso são detalhes que parecem bobos, mas fazem toda a diferença na escolha. Abaixo, algumas perguntas que podem ajudar a traçar esse perfil:
– Que produtos você faz?
– Irá utilizar tecidos leves ou pesados?
– Irá utilizar exclusivamente tecidos planos ou malhas?
– Fará quilting e/ou patchwork?
– Irá fazer bordado à máquina?
– Utilizará pontos decorativos?
– Terá um espaço reservado para ela ou precisa que seja portátil?
– O ruído habitual da máquina é um empecilho?
– Aplicará botões à máquina?
– Qual o valor máximo que você poderá pagar?
– Quais características/acessórios são essenciais?
– Você já tem uma preferência por marcas? Quais? Por qual motivo?

#3 Defina prioridades
Com as perguntas respondidas, fica mais fácil definir quais são as suas necessidades. Saber o que é essencial evita a compra de um modelo muito básico ou acabar gastando demais em máquinas cheias de funções que você não vai usar nunca. Sabendo o que precisa, é a hora de pesquisar modelos e marcas.



#4 Nova ou usada?
Muita gente opta pelas máquinas antigas por terem estrutura robusta e serem mais potentes, além de serem mais econômicas. Se essa for sua opção, considere:

– Elas costumam vir embutidas em mesas de madeira que ocupam bastante espaço, mas se você precisar de mobilidade e mesmo assim quiser investir numa usada, você pode comprar uma caixa de madeira em lojas especializas para embutir a máquina – e usá-la onde quiser.
– Fique atento(a) a qualquer sinal de cupim, de ferrugem e confira se todas as peças originais estão ok.
– Evite comprar de desconhecidos e busque lojas que forneçam manutenção e garantia.

#5 Pesquise e barganhe
Quando o assunto é comparação entre preços e modelos, a internet é uma mão na roda! Além dos sites dos fabricantes das marcas, sites como BuscapéBondfaro e UolShopping auxiliam a encontrar o menor preço, comparar produtos de marcas diferentes e até mesmo ler a avaliação dos compradores.

#6 Faça um “test drive”
Algumas lojas permitem testar a máquina antes de comprar, é só pedir com jeito. ;) Leve linha, bobina, tesourinha e retalhos de tecido para sentir a velocidade e ver como funcionam suas funções. Se você está trocando de máquina por uma mais potente ou que consiga fazer um ponto específico, aproveite para testar e evitar frustrações posteriores.

#7 Quem ama, cuida!
Toda máquina precisa de cuidados para manter-se em pleno funcionamento. Cuidando direitinho, mesmo as máquinas mais simples podem durar anos a fio. Lembre-se:

– Passe um pincel macio na caixa de bobina toda vez que terminar de utilizar a máquina, removendo pedaços de linha e poeira que ficam acumuladas;
– Pingue uma gotinha de óleo na caixa de bobina e nos furinhos indicados no manual;
– Evite pontos feios trocando periodicamente as agulhas. Com o tempo elas vão desgastando, o que dificulta muito a costura e
– Faça uma manutenção anual, mesmo que esteja tudo bem com a máquina. Principalmente se você depende dela para fazer os seus produtos. Não pesa no bolso e garante o funcionamento sem surpresas!

Você já passou por esse momento de indecisão antes de comprar uma máquina para chamar de sua?
(imagens: Caixa de costura A Prendada e Máquinas de costura divulgação)
FONTE:http://blog.elo7.com.br/negocio-criativo



sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

10 presentes que trazem o significado do Natal

Como os Reis Magos que trouxeram presentes ao bebê Jesus que tinham significado, veja 10 dicas inesquecíveis para presentear quem você ama.


fonte: http://marcionicolacebueno.blogspot.com.br/2012/01/os-3-reis-magos.html

  • Os presentes de Natal são um símbolo de amor de quem os oferecem a quem são dados. O fato de darmos presentes no Natal vem da ideia de que os Reis Magostrouxeram presentes a Jesus guiados pela estrela que surgiu.
    • O ouro era um presente típico oferecido aos reis, pois simboliza a monarquia e a realeza, e era um presente muito adequado ao “Rei dos reis”.
    • O incenso era usado em ordenanças do sacerdócio, em ofertas de alimentos e em óleo para ungir sacerdotes, representando o Cordeiro de Deus que seria sacrificado em nosso favor.
    • A mirra era associada ao sepultamento, devido as propriedades de conservação. Seu uso medicinal simboliza o papel de Cristo como o Grande Médico, e sua utilização em enterros simboliza a amarga taça que Ele tomaria ao sofrer por nossos pecados.
    Deus nos deu um grande presente: Seu filho Jesus Cristo, que nos deu outro presente: As boas novas do Evangelho eterno. Este é o significado real do Natal.
    Ao darmos presentes uns aos outros, podemos estar seguindo o que Paulo ensinousobre doar nosso tempo e talentos para servir nosso próximo, não somente no Natal, mas durante todo o ano.
    Com o comércio exagerado que foca mais em Papai Noel que em Jesus Cristo, nós ainda podemos presentear quem amamos com presentes que tragam o verdadeiro simbolismo do Natal ao invés de apenas basearnos na quantidade imposta pelo comércio e sociedade. Afinal, dar um presente é uma expressão natural de gratidão, amor, apreciação e carinho.
    Diferentes pessoas precisam de diferentes presentes. Algumas apreciam o tempo passado com elas. Outras um ato de serviço com algo que necessitem. Muitas somente por ter a família reunida e uma ceia singela à mesa as completa.
    Veja 10 ideias de presentes que trazem o significado do Natal:
  • 1. Um presépio

    Um presépio traz tanto significado. É a pureza de um bebê, a simplicidade da manjedoura, a força da família, a esperança do evangelho. Cada peça um personagem, com ensinamentos e lembretes.
  • 2. Alegria personalizada

    Pense na pessoa que você quer presentear. Você a conhece bem para saber o que lhe traz alegria? O famoso hino de Natal “Joy to the World” (Alegria para o mundo) foca na alegria que a vinda de Cristo causa às pessoas que vivem em retidão. Seja um chocolate, um porta-retrato de família, um objeto que faça a pessoa sorrir, uma ajuda que ela precise para deixar seu Natal melhor. Ainda me lembro de um Natal onde eu estava sozinha, e uma amiga querida simplesmente trouxe um prato feito da ceia de sua casa para nós e passou o dia comigo, o que tornou aquele Natal inesquecível!
  • 3. Um cd com músicas de Natal

    Aqui em casa tocamos músicas de Natal o ano todo! O espírito doce das canções de Natal enchem o lar de alegria, as pessoas ficam inspiradas, os corações se abrem. Dificilmente encontraremos formas de tocar os corações tão profundamente como o fazemos com músicas de Natal.
  • 4. Um convite ou entradas para um concerto de Natal

    Em algumas cidades temos teatros, corais, presépios vivos, exposições, enfim, se for gratuito, que tal levar aquela pessoa para ver uma dessas apresentações especiais?
  • 5. Ornamento para a árvore de Natal

    Seja uma estrela, uma manjedoura, um anjo, sino ou uma pequena escultura que simbolize o Natal. Há uns anos atrás, um aluno me deu este ornamento, de um leão e uma ovelha, simbolizando a paz que a volta de Jesus Cristo trará ao mundo. É um de meus ornamentos preferidos da árvore, onde cada um tem um significado especial.
  • 6. Livros ou escrituras

    Um livro com histórias de Natal, em especial uma que toque o coração da pessoa, ou mesmo um par de escrituras novos com algumas escrituras de Natal marcadas fazem um bom presente. Reunir a família para ler histórias de Natal, ou mesmo os Evangelhos de Mateus, Marcos, Lucas ou João traz muito significado para a época.
  • 7. Uma cesta decorada

    No Canadá a tradição é presentear com diferentes tipos de cestas de acordo com o gosto da pessoa, normalmente com o que necessitam ou que lhes trazem alegria. É o significado da manjedoura que trouxe o bebê que o mundo precisava.
  • 8. Uma guirlanda de Natal

    A guirlanda pode ser colocada na parede, porta ou mesmo envolta de algo à mesa. Simboliza a eternidade da promessa da graça de Jesus.
  • 9. Pães, panetones , bolos

    Para a ceia de Natal com a família, representando o sacramento compartilhado por Jesus Cristo na ceia com os apóstolos.
  • 10. Um abajour ou vela decorada

    Pode ser como um centro de mesa. Representam a presença de Cristo como a luz do mundo.
    Enfim, mais do que encontrar um presente, é personalizar sua mensagem diretamente a cada pessoa que quer expressar seus sentimentos. Pense em cada uma delas, personalize seu presente com seu amor. O Natal é uma época maravilhosa, e um presente bem escolhido, que traga o significado do nascimento de Cristo, será inesquecível para os que o receberem.
fonte: 
  • Os presentes de Natal são um símbolo de amor de quem os oferecem a quem são dados. O fato de darmos presentes no Natal vem da ideia de que os Reis Magostrouxeram presentes a Jesus guiados pela estrela que surgiu.
    • O ouro era um presente típico oferecido aos reis, pois simboliza a monarquia e a realeza, e era um presente muito adequado ao “Rei dos reis”.
    • O incenso era usado em ordenanças do sacerdócio, em ofertas de alimentos e em óleo para ungir sacerdotes, representando o Cordeiro de Deus que seria sacrificado em nosso favor.
    • A mirra era associada ao sepultamento, devido as propriedades de conservação. Seu uso medicinal simboliza o papel de Cristo como o Grande Médico, e sua utilização em enterros simboliza a amarga taça que Ele tomaria ao sofrer por nossos pecados.
    Deus nos deu um grande presente: Seu filho Jesus Cristo, que nos deu outro presente: As boas novas do Evangelho eterno. Este é o significado real do Natal.
    Ao darmos presentes uns aos outros, podemos estar seguindo o que Paulo ensinousobre doar nosso tempo e talentos para servir nosso próximo, não somente no Natal, mas durante todo o ano.
    Com o comércio exagerado que foca mais em Papai Noel que em Jesus Cristo, nós ainda podemos presentear quem amamos com presentes que tragam o verdadeiro simbolismo do Natal ao invés de apenas basearnos na quantidade imposta pelo comércio e sociedade. Afinal, dar um presente é uma expressão natural de gratidão, amor, apreciação e carinho.
    Diferentes pessoas precisam de diferentes presentes. Algumas apreciam o tempo passado com elas. Outras um ato de serviço com algo que necessitem. Muitas somente por ter a família reunida e uma ceia singela à mesa as completa.
    Veja 10 ideias de presentes que trazem o significado do Natal:
  • 1. Um presépio

    Um presépio traz tanto significado. É a pureza de um bebê, a simplicidade da manjedoura, a força da família, a esperança do evangelho. Cada peça um personagem, com ensinamentos e lembretes.
  • 2. Alegria personalizada

    Pense na pessoa que você quer presentear. Você a conhece bem para saber o que lhe traz alegria? O famoso hino de Natal “Joy to the World” (Alegria para o mundo) foca na alegria que a vinda de Cristo causa às pessoas que vivem em retidão. Seja um chocolate, um porta-retrato de família, um objeto que faça a pessoa sorrir, uma ajuda que ela precise para deixar seu Natal melhor. Ainda me lembro de um Natal onde eu estava sozinha, e uma amiga querida simplesmente trouxe um prato feito da ceia de sua casa para nós e passou o dia comigo, o que tornou aquele Natal inesquecível!
  • 3. Um cd com músicas de Natal

    Aqui em casa tocamos músicas de Natal o ano todo! O espírito doce das canções de Natal enchem o lar de alegria, as pessoas ficam inspiradas, os corações se abrem. Dificilmente encontraremos formas de tocar os corações tão profundamente como o fazemos com músicas de Natal.
  • 4. Um convite ou entradas para um concerto de Natal

    Em algumas cidades temos teatros, corais, presépios vivos, exposições, enfim, se for gratuito, que tal levar aquela pessoa para ver uma dessas apresentações especiais?
  • 5. Ornamento para a árvore de Natal

    Seja uma estrela, uma manjedoura, um anjo, sino ou uma pequena escultura que simbolize o Natal. Há uns anos atrás, um aluno me deu este ornamento, de um leão e uma ovelha, simbolizando a paz que a volta de Jesus Cristo trará ao mundo. É um de meus ornamentos preferidos da árvore, onde cada um tem um significado especial.
  • 6. Livros ou escrituras

    Um livro com histórias de Natal, em especial uma que toque o coração da pessoa, ou mesmo um par de escrituras novos com algumas escrituras de Natal marcadas fazem um bom presente. Reunir a família para ler histórias de Natal, ou mesmo os Evangelhos de Mateus, Marcos, Lucas ou João traz muito significado para a época.
  • 7. Uma cesta decorada

    No Canadá a tradição é presentear com diferentes tipos de cestas de acordo com o gosto da pessoa, normalmente com o que necessitam ou que lhes trazem alegria. É o significado da manjedoura que trouxe o bebê que o mundo precisava.
  • 8. Uma guirlanda de Natal

    A guirlanda pode ser colocada na parede, porta ou mesmo envolta de algo à mesa. Simboliza a eternidade da promessa da graça de Jesus.
  • 9. Pães, panetones , bolos

    Para a ceia de Natal com a família, representando o sacramento compartilhado por Jesus Cristo na ceia com os apóstolos.
  • 10. Um abajour ou vela decorada

    Pode ser como um centro de mesa. Representam a presença de Cristo como a luz do mundo.
    Enfim, mais do que encontrar um presente, é personalizar sua mensagem diretamente a cada pessoa que quer expressar seus sentimentos. Pense em cada uma delas, personalize seu presente com seu amor. O Natal é uma época maravilhosa, e um presente bem escolhido, que traga o significado do nascimento de Cristo, será inesquecível para os que o receberem.
  • fonte: http://familia.com.br/

Banner Arte com Sabor